Páginas

5 de fev de 2011

O Jardim


Meu parafuso solto
O que prendia meus pés
Nesta terra escura e suja
O que me agarrava firme
É agora apenas um parafuso
Um pequeno parafuso solto
Sem utilidade nenhuma
Sobraram marcas profundas
Que me lembrarão sempre
Daquele pequeno parafuso
Que um dia me aprisionou
Nesta terra atormentadora
Meus pés estão livres
Mas ainda estamos longe
Do lugar onde sonhamos

Nenhum comentário:

Postar um comentário