Páginas

25 de fev de 2017

FORÇA SEMPRE



Tem várias partes de mim, que nunca irei descobrir
Túmulos que nunca irei desenterrar
Feridas que nunca irão cicatrizar
Detalhes inesquecíveis e traumas que mal consigo lembrar
Pessoas que apagaram por um tempo a minha luz
outras que acederam minha vontade de viver
Simplesmente, eu fui dois e depois voltei a ser um
Joguei-me e depois de um tempo, consegui me levantar
Hoje, luto pela minha reconstrução
Obtenho ajuda de poucas pessoas
Sinto outras querendo me ver caindo novamente
O desejo forte de não me ver voltar
Mais Deus está comigo e meus inimigos não conseguirão me alcançar
Hoje, eu consigo me amar, antes de tentar amar outra pessoa
Mais em tempos difíceis, mal consigo um olhar bondoso
Tenho um coração massacrado pelo sofrimento e experiências ruins
Consigo sentir quando não vai acontecer e saio antes de ser tarde
Vivo ao lado de quem me ama, os amando também deveras
Acredito nos meus ideais e corro atrás do tempo perdido
Procuro o meu amor, aquele que irá segurar forte o meu coração
Acredito em Deus e Ele me fortalece
Amo minha família
Tenho e sempre terei
FORÇA SEMPRE!


20 de fev de 2017

Diego Novo (O Monstro Voltou)

 
Eu vivo num mundo surreal
Onde o egocentrismo me isola
Minhas amplitudes são fechadas
Pouquíssimos conseguem entrar
Sentir meu coração batendo forte
Ver um sorriso verdadeiro meu
Me fecho pro que me afasta de mim mesmo
Erro, querendo apenas acreditar no que me  fará bem
O amor é um sentimento divino, porém usado do jeito errado, ele destrói
Pernas são presas na infelicidade do sofrer
Pessoas boas e tenebrosas?
Nunca sabemos ao certo!
Quando irei acertar?
Existe um monstro implantado dentro de mim
Um que ama e é desamado
Um monstro sorridente
Que se defende da insatisfação do sofrimento
Um que acredita que ainda há de vir um final feliz!